AS MAIS LIDAS DA SEMANA

AS MAIS LIDAS DA SEMANA
AS MAIS LIDAS DA SEMANA

sábado, 7 de junho de 2014

EXISTEM SERES VIVOS EM OUTROS PLANETAS?


            A humanidade tem cometido vários equívocos e não tem se dado conta. Falamos do modelo do Universo como resultado de uma análise dentro do próprio Universo, quando sabemos da impropriedade de uma postura como essa – analisar uma dinâmica funcional fazendo parte da mesma – isso sempre levará a resultados tendenciosos e erros grosseiros; falamos da cura de doenças quando simplesmente adiamos sofrimentos e mortes, buscando, através de substâncias químicas, reequilibrar os excessos e as faltas dos “insumos” nescessários ao funcionamento dos organismos que têm vida.
            Sendo assim, é fácil entender quando questionamos se existem seres vivos em outros planetas. Essa pergunta é muito mais para esconder toda a ignorância sobre a “Vida do que propriamente a indagação que se faz. Nada, até hoje, foi pesquisado sobre as características ambientais que são capazes de “gerar” vidas. Matam-se algas com soluções de cobre ou enxofre, no entanto, no sul da Ásia, encontram-se águas sufurosas coabitando com algas! Na verdade, pouco se sabe sobre a origem da diversidade dos seres aqui dentro do nosso planeta que inclui os abssais marinhos.
            Podemos dizer, sem medo de errar, que existem seres vivos em todos os recantos do Universo. Aqui, na Terra, o homem classificou os seres vivos colocando-se no topo, na hierarquia maior. É a vaidade e o seu poder de construção que torna o homem o rei dos seres vivos aqui no planeta. Detentores de um conhecimento inato ou pré-natal somado a uma inteligência que constrói, os humanos superaram os outros animais, definindo-os como irracionais. A diversidade dos seres vivos levou os chamados irracionais a terem o maior conhecimento inato dentre as criaturas, dispensando, dessa forma, a inteligência maior, pois quem já nasce sabendo de quase tudo não precisa tanta inteligência para construir.
            O viver a reproduzir a espécie faz parte desse complexo gigantesco – o Universo, que não me afoito a entender, que está em busca de equilíbrio sempre e conta com os seres vivos para cuidarem do micro em cada um dos planetas de cada uma das galáxias. É muito duro para o homem-vaidoso ceder ao fracaço do não entender como funciona o que temos a possibilidade de ver, ouvir e sentir! Assim, perguntamos o que não tem resposta que se possa provar, pois só dessa maneira poderemos inventar e vender o que existe por si mesmo, e que jamais poderemos arquivar como mais um capítulo lido e sabido, até a consumação dos séculos! Seria muito bom meditar sobre este parágrafo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário